Projeto de Greca acaba com licença prêmio para novos servidores

Foto: Chico Camargo/CMC

O “pacotaço” do prefeito Rafael Greca (PMN) contra o funcionalismo público não chega ao fim. Nesta segunda-feira (5), a prefeitura protocolou na Câmara Municipal um Projeto de Lei que acaba com o direito à licença prêmio para os novos servidores e servidoras de Curitiba.

No pacotaço, chamado pela administração de “plano de recuperação de Curitiba”, Greca já tinha alterado as regras para concessão da licença prêmio dos atuais servidores. Com o projeto que altera a Lei Orgânica os novos servidores não terão esse direito ao benefício da licença remunerada de três meses a cada cinco anos.

Sob a justificativa de conter gastos e “igualar” os servidores aos trabalhadores da iniciativa privada, a administração classifica a licença como uma “folga remunerada” e apresenta que o cidadão revolta-se contra “privilégios injustificáveis” e que prêmios pressupõe algo para “além da normalidade”.

Confira o projeto da prefeitura na íntegra >> PL licenca_premio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*